segunda-feira, 12 de janeiro de 2009

Dossier "Simbologia Grupal" - II Parte


(Continuando o Dossier “Simbologia Grupal”, outras das premissas desta metodologia é a vida em grupo e as várias etapas que ela acarreta… Fica aqui o depoimento de Sara Monteiro, elemento do Grupo Informal SER, que retrata a sua visão do grupo SER recorrendo aos símbolos de alguns dos seus elementos)

Esta é a história de um grupo imortal que parte para a aventura. Nesta viagem levamos apenas as memórias de outras viagens, ainda não vividas na sua totalidade. Embarcamos para esta viagem sem um destino exacto, mas com a certeza que pequenas aventuras irão surgir.
É impressionante a facilidade com que O dragão nos consegue guiar a todos nesta sinuosa jornada. Quando parte para outros destinos, ele apenas leva com ele os que ainda não têm a destreza de se fazerem acompanhar pela sua sombra. Por terra, os dois gatos, o furão e a raposa descobrem o seu caminho juntos.
É no mútuo conhecimento, nas mais diversas relações, que os problemas e as suas resoluções acabam por surgir, mas sempre em constante viagem.
Entretanto paramos para descansar e todos contam e reflectem a viagem que cada um fez individualmente…até ali. Depois, juntos, partem mais uma vez, à aventura de uma nova viagem que acontece todos os dias.
Nota: Foto de Sara Monteiro

Um comentário:

Anônimo disse...

A força que a imbologia nos dá para caminhar em grupo é algo .... fscinante... digo eu :)mesmo este nao sendo o melhor termos pra classificar o que sinto :) é simbologia pura e simples..... Algo que nos acompanha diariamente... algo que está já integrado em nos e é vivido por nós.....
Um abraço a todos os cavaleiros PASEC
Cavaleira Furao, Bet@