segunda-feira, 30 de dezembro de 2013

PASEC reclama uma nova Educação para a Diferença durante a AIJ 2013




A PASEC organizou entre os dias 26 e 30 Dezembro de 2013 a Assembleia Internacional Juvenil 2013/Simpósio Europeu Special Democracy (SD) com tema “Escolhi ser Diferente”. Com dezenas de participantes eleitos pelos grupos e organizações parceiras envolvidas na iniciativa, a PASEC organizou uma vez mais aquela que e uma das suas atividades mais marcantes, desta vez em versão internacional com o envolvimento direto de países de língua oficial portuguesa (Brasil, Angola e Cabo Verde). Para além destes estiveram ainda envolvidos Itália e Polónia que participaram diretamente no Simpósio Europeu do projeto Special Democracy que culminou com a Rota “Na Rua pela Diferença”, iniciativa organizada em simultâneo nos 3 países.

Tendo como base a Educação para a Diferença, a Assembleia abordou vários temas base: O desemprego e oportunidades dos Cidadãos Portadores de Deficiência; Os refugiados; Viver na Rua; Violência no Namoro; A falta de qualidade no Ensino; e o Analfabetismo. 

Durante a abertura oficial da AIJ 2013/Simpósio Europeu SD, o Sr. Diretor do Instituto Português do Desporto e Juventude, Dr. Manuel Barros, acentuou o trabalho impar da PASEC na área da inclusão juvenil à escala internacional, o Vereador da Juventude do Município de Famalicão, Dr. Mário Passos, ressalvou as oportunidades que a PASEC gera para os jovens com quem opera e do Vereador da Educação e Empreendorismo do Município de Famalicão, Dr. Leonel Rocha, acentuou a importância da Educação Não Formal como complemento formativo essencial para os jovens. 

A AIJ 2013/Simpósio Europeu teve dois momentos. Na penúltima semana de Dezembro 2013 teve lugar a Rota “Na Rua pela Diferença - Difference in the Streets Route” com o envolvimento dos grupos de jovens e adultos com necessidades especiais através de espetáculos e workshop’s artísticos. Na última semana de Dezembro teve lugar a AIJ 2013. No total foi possível chegar a mais de 1700 jovens com todos os eventos projetados, sendo que mais de uma centena tinha necessidades educativas especiais. Estas iniciativas foram apoiadas pelo Programa Juventude em Ação da União Europeia. 

domingo, 22 de dezembro de 2013

Assembleia Internacional Juvenil 2013 “escolhe ser diferente”

Tendo como pano de fundo o tema “Escolhi ser Diferente”, a PASEC organiza entre os dias 27 e 30 de Dezembro de 2013 a Assembleia Internacional Juvenil 2013 em Famalicão juntando participantes de Cabo Verde, Portugal, Brasil, Lituânia, França e Angola. Desde já fica o convite para toda a comunicação social e entidades parceiras para estarem na abertura oficial no dia 27 Dezembro de 2013, pelas 15 horas na Casa das Artes de Famalicão.
Tendo como base a Educação para a Diferença, a Assembleia abordará 5 temas base: Os refugiados; Viver na Rua; Violência no Namoro; A falta de qualidade no Ensino; e o Analfabetismo . 

A cerimónia de abertura contará com a presença do Diretor do Instituto Português do Desporto e Juventude, Dr. Manuel Barros, do Vereador da Juventude do Município de Famalicão, Dr. Mário passos e do Vereador da Educação e Empreendorismo do Município de Famalicão, Dr. Leonel Rocha. Nesta cerimónia serão apresentados o trabalho desenvolvido pela PASEC com Cidadãos com Deficiência e Necessidades Educativas Especiais em forma de espetáculo, representações do grupo de teatro da PASEC - ADN (Artes Dramáticas do Nada) - sobre o tema e interpretações artísticas por parte dos grupos juvenis envolvidos no processo.

A Assembleia conta 50 delegados eleitos de 11 distritos de Portugal Continental e dos países já mencionados de um roteiro formativo que envolveu mais de 1700 jovens. Ao mesmo tempo este é um projeto de Lusofonia porque todos os envolvidos falam o português. A Assembleia terá posteriormente lugar em Itália e Cabo Verde.

A AIJ 2013 integra ainda o Simpósio Europeu do Projeto Special Democracy com participantes de Itália e Polónia. Estas iniciativas são apoiadas pelo Programa Juventude em Ação da União Europeia.

domingo, 1 de dezembro de 2013

“As pessoas não têm tempo para nossa falta de tempo” - Apresentação da obra "Tempo"


“As pessoas não têm tempo para a nossa falta de tempo” foi uma das citações do livro “Tempo: Os dias do Cavaleiro” que o autor, Abraão Costa, utilizou para traduzir o significado das histórias que o seu último livro trata. Este momento teve lugar na apresentação pública da obra na Casa das Artes de Famalicão, no passado dia 29 Novembro, pelas 21 horas, perante mais de centena e meia de amigos, familiares e público em geral.

A sessão abriu com dois momentos de encenação teatral da obra a que se seguiu a apresentação da mesma a cargo do Professor Fernando Ilídio ferreira, da Universidade do Minho. Este focou tratar-se de uma obra cheia de metáforas recorrendo a um imaginário épico que apela à transcendência de cada um. Fernando Ilídio Ferreira traduziu a obra como uma ferramenta de meditação, de momentos “de confronto entre o que somos e o que queremos ser” e de um “caminho feito de persistência, resiliência e relações de aprendizagem recíproca”. Para além destas analogias, Fernando Ilídio Ferreira focou ainda que este é livro fácil de ler, acessível a todos e que retrata bem as convicções do autor.

Após a apresentação da obra seguiram-se mais duas encenações sobre momentos da mesma e por fim a apresentação do autor a cargo da psicóloga Isabel Azevedo. Esta focou o imaginário do livro, os pontos fracos e fortes do autor e o “caminho simbólico que ambos trilharam juntos”.

Teve então lugar 20 minutos de “speech session” onde qualquer um dos presentes pode partilhar o que sentia e o que pensava sobre o autor e sobre o tema da obra. Interveio neste espaço o Vereador da Juventude do Município de Famalicão, Dr. Mário Passos, os pais do autor, amigos de longa data e alguns dos elementos do púbico que acorreram ao evento. Por fim, interveio o autor que retratou o percurso que o levou até à obra, explicou algumas das personagens e fez saber as motivações que o levaram a dar corpo à obra.

Por fim a sessão encerrou com mais uma encenação de parte da obra.

“Tempo: Os dias do Cavaleiro”, para além de uma obra de ficção é ao mesmo tempo uma ferramenta pedagógica passível de auxiliar dinâmicas de reflexão, expressão dramática, escrita criativa e momentos de introspeção feita de histórias dos jovens que integram os grupos PASEC, embora num ambiente de ficção alternativo. 

Esta primeira edição da obra faz reverter todos os fundos angariados para as intervenções que a PASEC tem hoje no terreno.

Por outro lado esta obra emerge na sequência do projeto Revolution, apoiado pelo Programa Juventude em Ação da União Europeia, que colocava a Expressão Dramática, Meditação e Expressão Corporal em forma de Simbologia Grupal como metodologia de inclusão social junto de públicos em situação de especial risco de exclusão. As histórias deste livro traduzem esta lógica, recorrendo a histórias reais traduzidas em universos simbólicos e metafóricos que se vêm transpostos para exercícios de reflexão, interação grupal e dramatização demonstrados através das encenações levadas a cabo durante a apresentação da obra.

domingo, 17 de novembro de 2013

PASEC lança livro “Jovens, Democracia e Desenvolvimento Sustentável”

 


Entre os dias 15 e 16 de Novembro teve lugar o XVII Congresso Internacional de Animação Sociocultural (ASC) em Mértola. O tema de fundo deste ano foi “Animação Sociocultural, Cidadania e Politica Europeia” e serviu para dar a conhecer a última obra da PASEC, olivro “Jovens, Democracia e Desenvolvimento Sustentável”, que congrega as principais experiências e resultados do Projeto “New World Formula”, projeto intercontinental que juntou Portugal, Itália, Perú, China, Suíça e Cabo Verde na promoção da Democracia Participativa como via para Inclusão e Desenvolvimento Sustentável.

O XVII Congresso Internacional de ASC foi organizado pela Associação Portuguesa para o Desenvolvimento da Animação Sociocultural em parceria com a Câmara Municipal de Mértola.

Coube ao Secretário Geral da PASEC, Prof. Abraão Costa, a apresentação da obra que o mesmo coordenou. Perante mais de uma centena de agentes educativos de vários países, Abraão Costa apresentou um livro que integra os depoimentos de vários técnicos, jovens e intervenientes diretos de seis países. Esta obra pedagógica tratou ainda questões importantes como o confronto entre a Educação Formal e a Educação Não Formal, a participação juvenil nos meios académicos, reflexões sobre o triplo conceito de “Juventude, Democracia e Desenvolvimento Sustentável” e perspetivou as linhas de ação dos projetos que darão continuidade ao “New World Formula”.

No mesmo Congresso foi ainda apresentada a experiência do projeto “Special Democracy” da PASEC, desenvolvido com jovens portadores deficiência e com necessidades educativas especiais. Durante o certame foi ainda lançada a obra “Animação Sociocultural, Cidadania e Politica Europeia” que agrega um conjunto de experiências de Animação Sociocultural no contexto europeu e entre elas como exemplos de boas práticas surgem os projetos “New World Formula” e “Special Democracy” e a ação do grupo informal “Cavaleiros”, tudo intervenções e ações da PASEC.

O lançamento da obra “Jovens, Democracia e Desenvolvimento Sustentável” encerrou o projeto “New World Formula”, apoiado pelo Programa Juventude em Ação da União Europeia.

domingo, 13 de outubro de 2013

PASEC leva centenas em mais uma viagem intercultural- PASEC fez 6 anos





Foi no seu sexto aniversário, no passado dia 12 de Outubro, Sábado, no Parque da Devesa em Famalicão, que teve lugar mais uma Feira de Jogos Intercultural (FJI), perante mais duzentas crianças, jovens, animadores e encarregados de educação. Sob o lema “A viagem intercultural”, a Feira de Jogos abriu com duas encenações que tinham como tema de fundo “Escolhi ser diferente” e uma pequena peça de expressão dramática retirada do livro “A última aula” de Randy Pawsh.

Abriu a Feira a Presidente da PASEC, Dra. Elisabete Faria, que deu as boas vindas aos presentes. Em seguida interveio Susana Paiva, nova Presidente da PASEC que sucede no cargo a Elisabete Faria. Seguiu-se a intervenção do Vereador da Juventude da Câmara Municipal de Famalicão, Dr. Mário Passos, que salientou o crescimento da PASEC nos últimos seis anos sempre sustentado num trabalho de inovação social em prol dos mais desprotegidos, sobretudo os mais jovens. Por fim teve a palavra a representante do Instituto Português do Desporto e Juventude, Dra. Glória Teixeira, que manifestou o seu orgulho no percurso que a PASEC tem traçado a nível nacional e internacional.

A FJI de 2013, na sua oitava edição, contou com participantes de Viana do Castelo, Coimbra, Aveiro, Guimarães, Porto, Paços de Ferreira, Braga e Famalicão. Foram oito os jogos (em formato de workshop) em competição, arquitetados, pensados e dirigidos pelos jovens e animadores dos grupos informais juvenis da PASEC. Eles foram: “O Circuito Desalinhado”, “Viagem Digital”, “Viagem na Escuridão”, “Viagem ao tempo dos Descobrimentos”, “Viagem Smile”, “Viagem a Preto e Branco” e “Viagem Acidentada”. O oitavo e último jogo, dedicado a dinâmicas de Simbologia Corporal a partir de Expressão Corporal, foi dedicado em exclusivo a cidadãos portadores de deficiência ou com necessidades educativas especiais.

Ao mesmo tempo esta Feira funcionou como o evento Special Democracy Day, espaço de partilha de boas práticas na área da educação não formal com grupos de jovens com necessidades educativas especiais. Os trabalhos encerraram com a partilha das experiências vividas durante a tarde, entrega dos troféus e o agradecimento a todos os presentes. Esta iniciativa esteve integrada no projeto Special Democracy, inserido no Programa Juventude em Ação da União Europeia.

Prémios Multiplicadores 2013 e Tomada de Posse dos novos Corpos Sociais

Tendo como pano de fundo o sexto aniversário da PASEC foram ainda entregues os prémios Multiplicadores 2013. Estes prémios são uma forma de reconhecer animadores ou destacados interlocutores comunitários que de uma forma ou de outra fizeram da sua ação uma forma de multiplicar o bem comum. Os homenageados este ano foram as animadoras Stephanie Paiva, Bruna Araújo e Sara Gomes da categoria de Animadores Protagonistas da Mudança e Mário Passos, na Categoria de Decisores Políticos. Por fim tomaram posse os novos Corpos Sociais da PASEC para o biénio de 2013/2015. A Direção passa ser presidida por Susana Paiva e a atual Presidente, Dra. Elisabete Faria, assume a Vice-Presidência. Compõem ainda o elenco diretivo o Dr. Abraão Costa como Secretário-Geral, Bruna Araújo como Tesoureira e como vogais Sara Gomes, a Dra. Stephanie Paiva e Patrícia Ribeiro. Na Assembleia Geral mantêm-se o Dr. Nuno Simões como Presidente e Maria Daniela Machado como Vice-Presidente e surge como novidade a Técnica de Apoio Psicossocial Ana Rita Marques no papel de Secretária. O Conselho Fiscal foi assumido pela Dra. Ana Emília Andrade, a que se juntam na Vice-Presidência Teresa Costa e a Secretária a Dra. Graça Rocha.

domingo, 25 de agosto de 2013

Geocampo 2013 da PASEC termina com apelo à revolução silenciosa


 


A PASEC realizou entre os dias 19 e 24 de Agosto, em Porto de Mós, mais um Geocampo, este na sua versão 2013. Este é o segundo de uma triologia de encontros de trabalho internacionais que pretendem dar corpo ao plano de ação da PASEC com os seus parceiros nacionais, europeias e internacionais para 2013.

Com dezenas de participantes envolvidos o Geocampo da PASEC parte dos princípios da Simbologia Grupal como metodologia de formação. Durante seis dias cada participante reporta a um Mestre que o treina e prepara num caminho de reflexão e ação virado para a descoberta pessoal num envolvimento permanente com o grupo e comunidades por onde passou o Geocampo.

Tendo como tema de partida o tema “A identidade na ação e nas escolhas que fazemos”, o primeiro dia teve lugar em Alvados, concelho de Porto de Mós, com uma sessão de cinema documental sobre o tema a que se seguiu a apresentação dos Mestres e a distribuição dos participantes no papel de aprendizes por cada um dos Mestres através de sorteio. Teve então lugar a primeira reflexão sobre os verdadeiros poderes que temos para operar a mudança no mundo à nossa volta. O segundo dia foi dedicado ao tema “Calcular o Essencial” e a visitas espeleológicas às grutas de Alvados e Santo António. O terceiro dia foi dedicado ao tema “Quem sou eu a partir dos meus sentidos e emoções?” com uma sessão de meditação e artes marciais que puseram à prova os sentidos dos participantes e uma visita com trabalho de reflexão ao Mosteiro da Batalha. O quarto dia foi dedicado ao tema “O meu poder de transformar e revolucionar” com trabalhos de grupo no Castelo de Porto de Mós, uma visita à grutas de Mira D’Aire e sessões de Simbologia Grupal. Os últimos dias foram dedicados à avaliação e algumas visitas temáticas.

Uma das principais conclusões que os participantes retificaram foi a importância de cada um fazer a sua própria revolução silenciosa ao nível dos valores, conduta e intervenção perante os seus e pela sua comunidade. Outras das conclusões partilhadas por todos é o mundo “de portas fechadas que o ser humano impôs a si próprio com regras absurdas, sistemas complicados, a sociedade do consumo e desconfiança permanente”. Foi focado no documento de conclusões final que é este mundo que sem nos apercebemos nos aprisiona e não permite que cada um complete todo o seu potencial. No final, cada participante propôs o seu plano de ação pessoal e as necessidades de formação que sentia que servirão de alicerces para o Geocampo 2014 na Ilha do Pico, Açores. 

sábado, 10 de agosto de 2013

Jovens reclamam mais poder de decisão – Conclusões do Seminário “New World Formula”



“Se nos acusam enquanto jovens de inércia e falta de participação cabe-nos a nós mostrar o contrário. Mas para isso precisamos de mais poder de decisão.” Esta foi uma das ideias de força do Seminário New World Formula, promovido pela PASEC, e repetido nos vários encontros com os decisores políticos que intervieram no certame.
Ente os dias 4 e 10 de Agosto, dezenas de jovens de vários países onde decorre o Projeto Nova Formula Mundial, apoiado pelo Programa Juventude em Ação da União Europeia e coordenado pela PASEC, discutiram o papel dos jovens nas suas comunidades locais tendo como ponto de partida a promoção de um futuro onde a Democracia Participativa e o Desenvolvimento Sustentável são desígnios comuns. 

Os primeiros dias tiveram lugar em Famalicão com encontros com grupos locais da PASEC com os quais está a ser desenvolvido o projeto. Durante os dias 4 e 5 foram organizados várias sessões de trabalho, uma tarde de Turismo Todo o Terreno com o apoio do Clube Aventura de Famalicão, e uma Noite Intercultural com foclore e gastronomia portuguesa.
O dia 6 foi passado em Vila Nova de Gaia e Esposende com várias sessões públicas e simulação de um Governo-Sombra em Bairro Social com o tema “Jovens Democracia e Desenvolvimento Sustentável”. O dia terminou na Apúlia com uma noite de fogueira acompanhada com música de intervenção portuguesa. O dia 7 foi um dia dedicado à reflexão 

O dia 8 pela manhã começou com uma sessão pública na Câmara Municipal de Guimarães com a presença do Presidente da Câmara a que se seguiu um Raid Cultural a várias freguesias rurais de Guimarães que culminou com uma sessão com alguns Presidentes de Juntas de Freguesia Locais. O dia 8 terminou em Famalicão na Escola IDEIAS da PASEC com uma noite de Fado que contou com a presença do Vereador da Juventude da Câmara Municipal de Famalicão, Dr. Mário Passos. Nos últimos dias foram apresentados os resultados do plano de ação do Seminário em forma de espectáculo com o recurso a encenações preparadas pelos participantes. 

Como conclusões foram determinadas quatro áreas de atuação concretas que se traduziram na proposta de quatro novos planos de intervenção diferentes : um dedicado à articulação e expansão de uma rede nacional de grupos informais de crianças como forma de promover o protagonismo infantil; outro dedicado à formação de dirigentes associativos juvenis como forma de melhorar o desempenho dos decisores de organismos dedicados à intervenção cívica jovem; um outro dedicado à articulação de recursos entre associações juvenis de modo a rentabilizar recursos e optimizar planos de ação aumentando o impacto da ação das organizações juvenis envolvidas no projeto; e outro ainda dedicado à expansão da rede informal de grupos juvenis já existente.

Todas as ações do seminário abertas ao público contaram com a participação de mais de setecentas pessoas. Seguem-se mais duas iniciativas, numa Triologia de seminários que inclui ainda o Geocampo 2013, em Porto de Mós e as Jornadas de Educação, Democracia e Inclusão.

segunda-feira, 29 de julho de 2013

Seminário Internacional NWF da PASEC lança “novas fórmulas de ver o mundo”



A PASEC apresentou em sessão pública, no passado dia 29 de Julho, pelas 14 horas, na Casa da Juventude de Famalicão, o Seminário Internacional “Nova Fórmula Mundial”, iniciativa chave do projeto com o mesmo nome que junta parceiros de Itália, Portugal, Cabo Verde, Suiça, Perú e China, envolvendo mais de 1700 jovens de seis países e quatro continentes.

A sessão contou com a presença do Vice-Presidente da Câmara Municipal de Famalicão, Dr. Paulo Cunha que acentuou o impacto e magnitude do projeto e todo o trabalho de inclusão e desenvolvimento local que o trabalho da PASEC tem proporcionado. Estiveram ainda presentes o Vereador da Juventude do Município de Famalicão, Dr. Mário Passos, a Presidente da PASEC, Dra. Elisabete Faria e o Secretário Geral da organização que apresentou em traços gerais o plano de ação do Seminário. 

Tendo por base uma metodologia de Animação Comunitária, este encontro será realizado em contexto real, no seio de bairros sociais e nas zonas rurais desfavorecidas da região do Vale do Ave (Famalicão, Fafe, Guimarães, Santo Tirso) e Baixo Mondego (Coimbra, Lousã, entre outros). Terá um caráter itinerante de modo a dar a conhecer a realidade juvenil portuguesa no terreno, levando as iniciativas ao maior número de jovens possível, integrando as comunidades locais.

No primeiro dia será realizada uma simulação de um Governo-Sombra em Bairro Social com o tema base do projeto mas de forma adaptada. Ainda nos primeiros dias realizaremos algumas ações públicas junto das comunidades por onde passará a iniciativa. Nos dias seguintes, será realizado um Mini Festival de Curtas Metragens produzidas pelos jovens que integram o projeto sobre os temas integradores do projeto NWF a partir dos trabalhos desenvolvidos pelos grupos dos vários países envolvidos. Terá também lugar um Raid Cultural a várias freguesias rurais que culminará com uma sessão com alguns Presidentes de Juntas de Freguesia Locais. Nos últimos dias serão apresentados os resultados do plano de ação do Seminário em forma de espectáculo com o recurso a encenações preparadas pelos participantes portugueses e italianos. Os outros parceiros apresentá-los-ão em forma de filme.

As iniciativas abertas ao público contarão com a participação de mais de 600 pessoas. O Projeto Nova Fórmula Mundial é apoiado pelo programa Juventude em Ação da União Europeia.

domingo, 21 de julho de 2013

PASEC organiza Survival Camp 2013



A PASEC organizou uma vez mais o Survival Camp, desta vez a edição de 2013, em simultâneo em Itália e Portugal, no âmbito da programação da Escola ID.EIAS – Escola Integral de Animação Sociocultural da PASEC, integrado no Projeto ID.EIAS apoiado pelo Programa Juventude em Ação da União Europeia. 

As dinâmicas em Portugal tiveram início no dia 17 de Julho e prolongaram-se até ao dia 21 de Julho entre o Gerês, Braga e Famalicão tendo como tema “Os nossos inícios e os fim de ciclo”. Estiveram envolvidos de forma direta ao longo deste cinco dias vinte jovens animadores e mais de trinta crianças e adolescentes num total de mais de cinquenta participantes. No último dia estiveram ainda envolvidas famílias e outros técnicos de outras organizações parceiras.

Os primeiros dias foram passados na Serra do Gerês, em Rio Caldo, e em Braga. Os vinte jovens animadores envolvidos experimentaram técnicas de sobrevivência, discutiram e refletiram o tema base do Survival Camp e por fim passaram pela experiência extrema de serem mendigos por um dia sentindo na pele as dificuldades e preconceitos daqueles que vivem à margem da sociedade. O último dia, já em Famalicão, terminou com um Laboratório de Jogos onde os jovens animadores levaram alguns grupos de crianças e adolescentes da PASEC a criarem e levarem à prática jogos criados pelas próprias crianças e adolescentes sobre o tema do Survival. Foi também neste dia que tiveram lugar as Feiras "Methods Forum" em Portugal (Famalicão) e Itália (Gorlla), um dos momentos altos do projeto ID’EIAS. Tiveram lugar oficinas práticas sobre novas ou desconhecidas metodologias e técnicas de Educação Não formal inclusivas. Envolvemos técnicos juvenis não implicados no projeto e outros projetos de inclusão juvenil. Esta foi mais uma hipótese de apresentar os resultados de todo o processo de investigação ação do projeto. 

Tudo terminou com o Espaço de Reflexão "Europe's Oportunitys" que acontecem uma vez por mês na Escola ID’EIAS. São espaços de formação e reflexão onde os jovens do projeto conhecem um pouco mais da realidade europeia, as implicações de estar ligado a um espaço comum como este e as oportunidades geradas por ferramentas como o Programa Juventude em Ação. 

domingo, 7 de julho de 2013

Escola ID.EIAS da PASEC já chega a mais de 400 pessoas semanalmente

A Escola ID.EIAS – Escola Integral de Animação Sociocultural da PASEC, que tem o seu núcleo sede na Rua da Estação, em Famalicão, já chega semanalmente a mais de quatrocentas pessoas. Foi esta sexta feira, dia 5 de Julho, perante mais de cinco dezenas de participantes, que em mais uma das muitas tertúlias que a PASEC organiza mensalmente, o Secretário Geral da organização, Abraão Costa, apresentou o ponto de situação presente. 


Através da sua equipa de técnicos, o ID.EIAS trabalha de forma articulada com mais de duas dezenas de instituições. Atualmente tem três grupos de pessoas portadoras de deficiência em Vermoim e Famalicão numa parceria com a AFPAD. Dá resposta a 9 grupos informais de crianças em Delães (através dos grupos informais PASEC e numa parceria com o Centro Social Bem Me Quer e a Junta de Freguesia de Delães), Pedome, Ruivães, no Complexo de Habitação Social das Lameiras em Famalicão e no Lar de Jovens da Oficina de São José de Braga. Trabalha com 21 grupos informais de jovens, 13 deles em Famalicão, chegando ainda a Paços de Ferreira, Guimarães, Coimbra e Braga. Dá ainda resposta a quatro grupos de crianças em idade pré escolar numa parceria com o Jardim de Infância da Escola EB 2 3 Júlio Brandão e a um grupo de idosos em parceria com o Centro Social de Riba D’Ave.

O projeto foi inicialmente lançado pela PASEC em forma de Centro de Estudos e Animação gratuito através do projeto Break the Wall e entretanto estendido através do apoio do Programa Juventude em Ação da União Europeia. Já replicado em Itália e tendo em conta os resultados atingidos, o ID.EIAS irá ser alargado a pelo menos a mais cem crianças e jovens de outras escolas e instituições sociais a partir de Setembro de 2013. A campanha já foi lançada por todo o concelho de Famalicão e pretende chegar sobretudo a crianças e jovens que não têm uma resposta educativa real e adaptada às suas necessidades.

Este rescaldo foi feito após mais uma tertúlia pedagógica. De quinze em quinze dias são organizadas no ID.EIAS, tertúlias que funcionam como Laboratórios de Experimentação Pedagógica. Desta vez o mote foi a Expressão Dramática e a Simbologia, numa combinação que se mostrou surpreendente. Foi também dado a conhecer que o Blog do ID.EIAS (http://ideiasprojeto.blogspot.pt/), lançado a partir da plataforma web www.pasec.pt havia atingido durante o último mês de Junho o record de visitas, com uma média de mais de 500 pageviews diários num total de mais de 15000 pageviews só nos mês de Junho de 2013.

domingo, 9 de junho de 2013

PASEC e AFPAD revelam o projeto Special Democracy através dos Jogos da Diferença



A PASEC e a AFPAD organizaram os primeiros Jogos da Diferença no passado dia 9 de Junho, no Lar Residencial “A Minha Casa”, com centenas de crianças, jovens, animadores e cidadãos portadores de deficiência ou incapacidade. Estiveram também em elevado número os encarregados de educação e familiares dos participantes.

O processo teve início nos passados dias 18, 19, 25 e 26 de Maio com a recuperação de parte das instalações do Lar “A Minha Casa” da AFPAD de Vermoim em duas ações de 48 de voluntariado. Esta atividade permitiu dar também início oficial ao projeto “Special Democracy”, apoiado pelo Programa Juventude em Ação da União Europeia, iniciativa única na Europa no que concerne à promoção do protagonismo do cidadão portador de deficiência nos processos de Democracia Participativa.

A iniciativa contou com a participação do Diretor do Instituto Português do Desporto e Juventude do Norte, Dr. Manuel Barros, que realçou o trabalho impar e inovador da PASEC no campo da promoção da inclusão social. Em representação da Câmara Municipal de Famalicão esteve o Vereador da Juventude, Dr. Mário Passos, que manifestou o orgulho de Famalicão em possuir instituições como a PASEC e a AFPAD. Em nome da Agência Nacional para a Gestão do Programa Juventude em Ação esteve o Dr. Joaquim Freitas que salientou a disponibilidade da Agência para apoiar mais projetos como este. O Dr. Mário Martins, Presidente da AFPAD, reforçou que este projeto entre a PASEC e a AFPAD é para manter e ampliar e por fim, a Dra. Elisabete Faria, Presidente da PASEC, salientou todo o trabalho que a organização tem feito nos últimos 6 anos com grupos de risco.

Os Jogos da Diferença começaram com uma encenação sobre os dia a dia dos cidadãos portadores de deficiência que habitam no Lar “A Minha Casa” e seguiu-se então a competição propriamente dita. Os Jogos foram compostos por cinco desafios. Tiveram lugar o “Desafio Desalinhado”, o jogo “Cubómetro”, o desafio “Twister Faces”, o jogo “Sudoku” de formas geométrica e em ponto gigante e por fim o desafio “Jogo das Sombras”. A ideia passou por partilhar com cada criança e jovem participante quais são as reais dificuldades de um cidadão portador de deficiência numa interação direta e constante com estes e as famílias. O projeto Special Democracy foi entretanto avaliado como o melhor projeto “Jovens e Democracia” no Round 1, de Portugal, do Programa Juventude em Ação da União Europeia de Fevereiro de 2013.

quinta-feira, 30 de maio de 2013

PASEC lança "Jovens que participam e decidem 2013" para mais de 300 jovens

Como acontece à quatro anos, a PASEC lança mais uma vez o programa de férias e educação não formal "Jovens que participam e decidem 2013", este ano nos concelhos de Famalicão, Guimarães, Coimbra, Braga em Portugal, em Relva , Ilha do Fogo, Cabo Verde e em Marnate em Itália em parceria com a Associação Bem Me Quer, a AFPAD, Associação Juvenil Comunitária de Relva (Cabo Verde), a Casa da Juventude de Guimarães, o Lar de Jovens das Oficinas de São José de Braga e os Giovanni 3d (Itália).
 

Partindo do objetivo central de promover a democracia participativa através do protagonismo juvenil o modelo de funcionamento deste programa parte de uma metodologia que coloca os grupos de jovens envolvidos no centro do processo de decisão. Partindo dos princípios da Pedagogia Participativa, representantes dos grupos de jovens em Assembleia Regionais e Locais apresentaram as suas propostas que depois foram colocadas à discussão na Equipa de Ação SocioEducativa da PASEC que formulou um plano global. As Assembleia Regionais e Locais tiveram lugar nos inícios de Maio o programa final foi aprovado pela Equipa de Ação Socioeducativa da PASEC no passado dia 28 Maio.

Tendo como ponto de partida a temática da "A Outra face da Democracia" o programa integra a Campanha com o mesmo nome ”, integrada no Projeto Special Democracy, coordenado pela PASEC e apoiado pelo Programa Juventude em Ação da União Europeia. 

Este programa centrado em dinâmicas de educação não formal pretende chegar aos jovens em especial risco de exclusão, com necessidades educativas especiais ou com deficiência e que se encontram fora do raio de acção das Escolas, Centros juvenis e parceiros envolvidos directamente no projeto.

Ente Junho e Agosto, meses de vigência do programa, constam as seguintes iniciativas que envolvem mais de 300 jovens de grupos juvenis da PASEC e instituições parceiras: Campo de Sobrevivência na Serra do Gerês; Oficinas de Teatro, Dança Criativa e Simbologia Grupal nos concelhos de Famalicão, Braga e Guimarães; Programa de Animação Desportiva e Cultural em Delães e Relva, Cabo Verde; Fóruns de Cinema e Educação Ambiental em Marnate. Em situações especiais o JPD 2013 prevê uma verba financeira e apoio logístico para instituições parceiras da PASEC no sentido de integrar jovens a quem o JPD não consegue dar resposta.

 Semana “Follow Diference” dá voz ao Cidadão Portador de Deficiência

No âmbito do projeto “Special Democracy” teve lugar entre 25 e 31 de Maio a Semana “Follow Diference” que permitiu, entre outras iniciativas, recuperar parte dos espaços comuns do Lar para pessoas portadoras de deficiência “A minha Casa” da AFPAD através de 48 horas de voluntariado. Os jovens animadores da PASEC puderam experimentar o que é viver o dia a díade uma instituição que acolhe cidadãos portadores de deficiência ou incapacidade, interagir com os seus técnicos e criar pequenas dinâmicas de interação com os mesmos. Esta semana permitiu ainda preparar os Jogos da Diferença 2013, a ter lugar no próximo dia 9 de Junho, pelas 14 horas, no Lar “Aminha Casa” em Vermoim, Famalicão. Estas iniciativas são apoiadas pelo Programa Juventude em Ação da União Europeia.

domingo, 19 de maio de 2013

PASEC leva projeto New World Formula a 4 continentes

Equipa Técnica da PASEC esteve no Perú a implementar o NWF 



A PASEC fez deslocar ao Perú, à região de Cuzco, entre os dias 13 e 17 de Maio três elementos da sua equipa técnica para apoiar os parceiros locais na implementação do projeto Nova Fórmula Mundial (New World Formula - NWF), apoiado pelo Programa Juventude em Ação da União Europeia. 

Esta foi mais uma fase de implementação da Rede de Parceiros “Development Challenge” através da criação dos espaços “Development Action Labs”. Estes espaços estão traduzidos em grupos informais organizados que têm como objetivos centrais permitir aos jovens experimentar e cimentar as práticas de Democracia Participativa como fator de desenvolvimento a partir de práticas de Educação Não Formal, refletir as temáticas da Participação, do Combate à Pobreza e Exclusão Social e o Desenvolvimento Sustentável e ainda fomentar a Educação para a Cidadania nos meios juvenis desvaforecidos (bairros sociais e zonas rurais desfavorecidas onde o projeto actua).

A Rede de Parceiros “Development Challenge” está a ser implementada na Europa em Portugal, Suiça e Itália, em África em Cabo Verde, na América Latina no Perú e na Ásia na zona de Macau, China. Foram colocados a concurso planos de ação e intervenção local em três categorias diferentes: Participação Democrática dos jovens nas Escolas; Combate à Pobreza e Exclusão Social; Desenvolvimento Sustentável. 

Nos espaços “Development Action Labs” estão envolvidos mais 400 jovens nos 6 países envolvidos no projeto NWF. São espaços geridos por grupos juvenis de intervenção local que de uma forma integrada e coordenada intervêem nas suas comunidades no contexto político e social. Estes espaços têm como base numa metodologia assente nos pressupostos da Democracia Representativa com um sistema de eleições próprio e com a criação e votação de um plano de ação local.

Na visita ao Perú a equipa técnica da PASEC teve a oportunidade de organizar encontros de trabalho no Centro de Arte Nativa de Cuzco, na Associação de Artesãos e Arte Popular de Cuzco, com os representantes do Município de Cuzco para a área da Educação e Juventude e com estudantes da Faculdade de Direito da Universidade de Cuzco. Por outro lado a equipa visitou as zonas de Urubamba e Pisac onde vários projetos humanitários estão a ser implementados. 

48 horas de voluntariado iniciam ações do Projeto Special Democracy 


Á margem do projeto New World Formula teve início o Projeto Special Democracy centrado nas dinâmicas de Educação para a Cidadania com jovens portadores de deficiência, com necessidades educativas especiais ou em especial risco de exclusão. A este propósito, a PASEC em parceria com a AFPAD, vai realizar as 48 de voluntariado para recuperação dos espaços de apoio aos grupos de jovens e adultos portadores de deficiência do Lar “A Minha Casa” da Associação Famalicense de Prevenção e Apoio à Deficiência em Vermoim nos dia 25 e 26 de Maio.

domingo, 5 de maio de 2013

PASEC envolve mais de 30 jovens em 4 novos grupos juvenis

Teve lugar entre os dias 28 de Abril e 5 de Maio dois Campos de Formação e Recriação Histórica em Portugal e Polónia no âmbito do Projeto Revolution, apoiado pelo Programa Juventude em Ação da União Europeia. Tendo como base o tema “Os jovens, a utopia do Comunismo e a nova aurora global” , estas inicaitivas envolveram dezenas de jovens em Portugal, na aldeia de Rio Caldo, no Gerês e na cidade de Varsóvia, na Polónia 

Este campo permitiu fazer um ponto de situação do plano de ação do projeto. Através da ação do projeto foi possível só em Portugal envolver mais trinta jovens em quatro novos grupos juvenis de intervenção local que de forma direta e coordenada já intervêm nas suas comunidades de origem. Assim nasceu o grupo Sobreviventes, com 8 elementos entre os 19 e os 33 anos, que tem a sua sede na Escola Integral de Animação Sociocultural da PASEC em Famalicão mas com elementos e ação em Guimarães, Santo Tirso, Braga e Famalicão. Nasceram ainda em ação articulada com a estrutura do ID.EIAS - Escola Integral de Animação Sociocultural da PASEC e com os parceiros locais os grupos Fortaleza Humana (Famalicão), com 9 jovens entre os 16 e os 19 anos, o grupo Novos Cavaleiros (Delães – Famalicão) com 7 crianças e adolescentes e ainda o Grupo Puzzelianos, em Guimarães, com 6 elementos entre os 12 e os 15 anos, numa ação articulada com a Casa da Juventude de Guimarães. 

Este resultado foi possível através do Programa “DemoAgents” , que centrou a sua ação em escolas do 3º ciclo, secundárias e profissionais, bem como em centros juvenis. É um programa de formação de jovens voluntários para a intervenção política. Foram formados jovens mediadores e dinamizadores de grupos juvenis de inovação democrática que traçaram mini-planos de ação política pacíficos inspirados nos novos movimentos juvenis de intervenção democrática sugidos nos últimos anos como foram o Movimento 15 Maio em Espanha ou o Geração à Rasca em Portugal.  A evolução do projeto Revolution é acompanhado de Plataforma Web e foram atingidos até ao momento mais de 300 crianças e jovens e mais de 100 agentes educativos. 


Dia da Porta Aberta promove o protagonismo do Cidadão Portador de Deficiência 


Á margem destas iniciativas teve lugar o Dia da Porta Aberta, promovido pela Associação Famalicense de Proteção e Apoio ao Deficiente, no passado dia 30 de Abril. Neste dia foi possível organizar um espetáculo de expressão corporal onde os grupos de jovens e adultos portadores de deficiência que a PASEC dinamiza em articulação com a AFPAD mostraram o resultado do trabalho levado acabo pelas animadoras da PASEC nas Oficinas de Simbologia Grupal dinamizados pela PASEC com a AFPAD.  A este respeito, o Presidente da AFPAD, Dr. Mário Martins, manifestou o seu agradecimento e homenagem ao trabalho que a PASEC tem desenvolvido em prol dos grupos de cidadãos portadores de deficiência da instituição e do seu protagonismo. 

domingo, 21 de abril de 2013

Crianças da PASEC discutem o sonho de mudar o mundo


 
   
Teve lugar entre os dias 20 e 21 de Abril mais um Encontro Nacional de Crianças e Adolescentes da PASEC. Com oito grupos de crianças e adolescentes representados foram dezenas os participantes que durante os dois dias discutiram “Os Sonhos que podem mudar o mundo…”. O Encontro teve lugar na Quinta da Costa, Mouquim, Famalicão.
 
As atividades iniciaram- se dia 20, Sábado, com algumas dinâmicas de apresentação. Seguiu-se o visionamento de um filme que introduziu o tema. Durante a tarde teve lugar o “Rally dos Sonhos” com uma série de desafios que os participantes tiveram que ultrapassar misturados com momentos de reflexão. Por fim a tarde terminou com a realização de uma corrente de boas ações onde todos os participantes trocaram entre si gestos de boa vontade terminados com um compromisso individual por parte de cada participante.
 
Após o jantar seguiu-se uma peça de teatro alusiva ao tema com interação direta entre as personagens e os participantes no ENCA. Por seguiu-se um momento de Simbologia Grupal onde os participantes partilharam a sua visão sobre o sonho que têm para mudar o mundo. Foi refletido que o mundo “é um local complicado, com milhões de pessoas a pensar de milhões de maneiras diferentes”. Foi referido “que é nos pequenos gestos que as crianças e adolescentes podem fazer a diferença”. Os participantes partilharam que são os gestos de amizade, de apoio mútuo e de disponibilidade para os outros que revelam o que cada criança e adolescente é capaz de fazer para mudar o mundo que a rodeia. Foi ainda acrescentado que não são precisos “grandes sonhos para que o mundo avance”, são é precisos grandes gestos…”  

No dia 21, Domingo, tiveram lugar alguns jogos de simulação e a avaliação do ENCA. O próximo ENCA terá lugar em Outubro deste ano.

sábado, 30 de março de 2013

“Todos temos o dever de ser políticos…” - Conclusão do ENEJA 2013 teve lugar em Portugal, França e Itália



“Todos temos o dever de ser políticos”, esta foi uma das principais conclusões dos Encontros Europeus de Jovens Animadores 2013 que tiveram lugar em Portugal, Itália e França entre os dias 23 e 29, envolvendo centenas de jovens agentes educativos. Com a parceria da TOTEM de Itália, Escola Profissional CIOR, Agência Nacional para a Gestão do Programa Juventude em Ação, Município de Famalicão e demais organizações jovens agentes educativos portugueses estiveram em França e em Itália depois de em Portugal terem iniciado o certame com o Roteiro “Jovens, Democracia e Desenvolvimento Sustentável” que passou por mais de 30 grupos juvenis.

Em França o ENEJA começou no dia 24 de Março e terminou dia 27 nos arredores de Paris. Nas conclusões deste encontro sobressaiu o fato de cada jovem ser responsável pela sua ação concreta no terreno a partir dos talentos que tem. Foi ainda focado que ninguém se pode aliar de intervir politicamente independentemente da amplitude da ação que possa desenvolver, sustentando que a política não se faz só nos partidos políticos, mas sobretudo nos movimentos cívicos, nas instituição e organizações não governamentais, mas sobretudo na intervenção comunitária. Neste particular foi referido o importante contributo que jovens animadores e agentes educativos podem desempenhar enquanto agentes mediadores entre comunidades e decisores políticos. Do programa contaram fóruns de discussão, workshop’s técnicos e noites culturais.

Em Itália o ENEJA começou a 25 de Março e terminou a 29 na região de Milão, na região da Lombardia. Com um programa que incluiu oficinas de projeto, encontros com os decisores políticos, workshop’s técnicos e noites interculturais foi realçado nas conclusões que devem estar na política os melhores e que ninguém, sobretudo os jovens, se pode alhear do fenómeno político. Foi ressalvado que quem assume uma postura passiva não tem o direito de criticar quem gratuitamente se envolve nas causas sociais. Por outro lado foi também afiançado como conclusão que pertence aos agentes educativos que intervêm na área da juventude, sobretudo os animadores, a promoção de campos de oportunidade que permitam aos jovens perceber e melhor se envolverem nas dinâmicas de Democracia Participativa.

segunda-feira, 18 de março de 2013

ENEJA 2013 da PASEC reúne mais de 500 jovens animadores em Portugal, França e Itália



Foi apresentada no passado dia 18 de Março, na Casa da Juventude de Famalicão, pelas 15 horas o ENEJA 2013. Reunindo mais de cinco centenas de jovens, animadores e agentes educativos em França, Itália e Portugal, a PASEC (Plataforma de Animadores SocioEducativos e Culturais), com a parceria da TOTEM de Itália, Escola Profissional CIOR, Agência Nacional para a Gestão do Programa Juventude em Ação, Município de Famalicão e demais organizações apresentou a 5ª Edição dos Encontros Europeus de Jovens Animadores (ENEJA). Realizados entre 18 e 28 de Março, o tema de fundo a que o certame se dedicou este ano é "Jovens, Democracia, e desenvolvimento Sustentável".

Já na sua sexta edição, contando com a primeira edição do ENEJA com um caráter nacional em Abril de 2008, o ENEJA 2013, sem fugir à sua matriz, tem como objetivos discutir e divulgar a Animação SocioCultural e Educativa (ASCE) no contexto europeu, dando voz às dezenas de projetos de ASCE na Europa com incidência para os três países sede da iniciativa. O que torna o ENEJA um evento diferente de todos os outros do género é o fato de serem os jovens animadores e agentes educativos a dinamizar todas as conferências, workshop’s, espaços artísticos e atividades complementares, sendo dado aos especialistas, o papel de espetadores críticos do encontro. É um evento organizado por jovens agentes educativos para jovens agentes educativos.
 
Os Encontros deste ano tiveram início com o Roteiro “Jovens, Democracia e Desenvolvimento Sustentável” que percorreu toda a área de Paris em França, os distritos de Coimbra, Porto, Braga, Viana do Castelo, Vila Real e Aveiro em Portugal e as cidades de Varese, Gorla Maggiore, Cassano e Gorla Minore em Itália envolvendo 31 grupos de jovens atingindo mais de 391 jovens animadores e agentes educativos entre os 16 e os 35 anos e- 123 crianças e adolescentes. Durante os Encontros propriamente ditos terão lugar 24 workshop’s, 10 conferências, o lançamento de 3 novos projetos de intervenção comunitária e 2 novas obras pedagógicas, o “Metodologias de Educação Não Formal” e a Brochura Pedagógica “ M2015”.

 Durante a apresentação do ENEJA, o Secretário Geral da PASEC, Prof. Abraão Costa, referiu que aposta deste ano é tornar o ENEJA uma incubadora de projetos de Animação Sociocultural com caráter comunitário. O Prof. Luis Bessa salientou que o ENEJA se tornou numa instituição com vida própria, muito para além das organizações que lhe dão corpo. O Vereador da Juventude da Câmara Municipal de V.N. Famalicão, Dr. Mário Passos reforçou a expansão da PASEC nos últimos anos e fato de hoje chegar a centenas de jovens, adultos e cidadãos portadores deficiência todas as semanas, só no concelho de Famalicão. Por sua vez, o Dr. Nuno Simões, Presidente da Assembleia Geral da PASEC, aproveitou para dar a conhecer todo o trabalho a ser desenvolvido pelo Roteiro pré-ENEJA.
O ENEJA 2013 integra um conjunto de iniciativas apoiadas pelos projetos Revolution e New Word Formula do Programa Juventude em Ação da União Europeia.



sábado, 16 de fevereiro de 2013

PASEC avança com plano de apoio ao desenvolvimento na Ilha do Fogo em Cabo Verde



No âmbito do projeto New World Formula, apoiado pelo Programa Juventude em Acção da União Europeia, a PASEC e organizações parceiras fizeram deslocar a à Ilha do Fogo, Cabo Verde, entre os dias 12 e 16 de Fevereiro, uma delegação para iniciar e dar apoio à implementação dos planos de apoio ao desenvolvimento das comunidades juvenis em que o projeto se insere. Este trabalho teve lugar na aldeia de Relva, pertencente ao concelho de Mosteiros, na Ilha do Fogo, uma das ilhas mais pobres do arquipélago de Cabo Verde.

A delegação foi recebida pela Associação Juvenil Comunitária de Relva (AJCR), parceiro local que desenvolve um importante trabalho na luta contra a pobreza e na dinamização da população juvenil local. A AJCR nos últimos anos conseguiu dar importantes contributos para o desenvolvimento da aldeia de Relva que tem aproximadamente 2000 habitantes. Construiu cisternas de grande dimensão para levar água potável à população, construiu habitações sociais e centenas de galinheiros e corrais e consequente compra de animais para melhorar a dieta alimentar da comunidade. Permitiu também o acesso a micro crédito de alguns jovens empreendedores da aldeia para criarem o seu próprio emprego e custearam ainda muitas das despesas para necessidades básicas dos jovens mais pobres da população, pagando a sua deslocação da aldeia para a escola ou financiando o seu ingresso na universidade.
É neste contexto que o trabalho da PASEC e parceiros se desenvolveu. Nos primeiros dois dias foi feito um contacto direto com a população local. Foram realizadas apresentações sobre o que era a PASEC e trabalho que esta faz, foram dados a conhecer nos locais onde a ação aconteceu as principais obras e acções da AJCR, foram visitadas as famílias e instituições locais, para além do contacto direto com a comunidade juvenil local. Na tarde do segundo dia foi organizada uma Festa Comunitária que envolveu toda a população da aldeia com eventos desportivos e um espectáculo de dança. No terceiro dia a delegação foi recebida pelas autoridades locais, nomeadamente pelo Presidente da Câmara Municipal de Mosteiros e pelo representante do Ministério da Educação e Desporto, que agradeceram a atenção e envolvimento da PASEC neste projeto e se disponibilizaram para apoiar todas as iniciativas necessárias. Foi também visitado o Centro da Juventude de Mosteiros e alguns artistas locais. Na tarde do terceiro dia foram iniciados os fóruns de discussão sobre as medidas a implementar. Inicialmente foi visitada a escola local, foi mantido um encontro com os professores a que se seguiu a assinatura de um protocolo entre a PASEC e a AJCR que estende a ação da PASEC para além do projeto New World Formula.
Assim a PASEC comprometeu-se até Agosto de 2013 a apoiar a escola local com envio de centenas de manuais escolares, articular o seu plano de acção com a AJCR no desenvolvimento de planos de acção comunitária para o desenvolvimento da população juvenil de Relva através do apoio pedagógico e financeiro à AJRC. Por outro lado a AJRC comprometeu-se a iniciar grupos informais de jovens seguindo a metodologia PASEC, fazendo dos mesmos sócios da organização portuguesa, apoiar a PASEC nos seus planos de investigação social e pedagógica que se traduzirão na realização de um filme e publicação de um livro no fim do projeto New World Formula. Com estas iniciativas será possível chegar a mais de três centenas de crianças e jovens só em Relva, Cabo Verde. Para além disto as duas organizações manterão o trabalho de intercâmbio e partilha de boas práticas já em Agosto no Seminário Governo Sombra em Portugal. No âmbito do roteiro internacional do New World Formula seguem-se agora Itália, Perú, Suiça e China.



terça-feira, 22 de janeiro de 2013

PASEC estende a sua ação à América Latina e Espanha através da RIA

PASEC integra agora a Rede Iberoamericana de Animação Sociocultural

A PASEC juntamente com a Universidade do Minho e a ACEP – Associação de Cultura e Educação Popular deram forma ao Nó do Minho da Rede Iberoamericana de Animação Sociocultural. Teve lugar nesta quarta feira, dia 22 de Janeiro, uma sessão pública no auditório do Instituto de Educação da Universidade do Minho para apresentação desta nova estrutura. A conferência contou com a participação do Prof. Víctor J. Ventosa Pérez da Universidade de Salamanca, Presidente da RIA através de videoconferência. Durante a sua intervenção explicou que: “a RIA nasce de uma preocupação de pessoas de naturezas e origens muito diferentes, mas que sentem a necessidade de unir forças numa causa comum. Queremos ser um complemento forte às organizações que nos integram tanto na divulgação do seu trabalho como na facilitação de parcerias dentro da própria estrutura da rede. Queremos ser um instrumento de desenvolvimento social e cultural com profissionais e pessoas da Animação Sociocultural da Iberoamérica, centrando a nossa ação naquilo que é essencial para cada um dos grupos que animamos.”

Através desta nova estrutura a PASEC passa a ter parceiros diretos na América Latina, nomeadamente na Argentina, Uruguai, Brasil, Bolívia e Perú, sendo que neste último país a PASEC prepara já a sua primeira intervenção em maio deste ano. Por fim a RIA permite estender o raio de colaboração da PASEC com cinco regiões autónomas espanholas onde a RIA intervém diretamente. Pela PASEC assume esta nova estrutura o Prof. Abraão Costa, Secretário Geral da organização

Grupo Evasão realiza campo de Reciclagem e Coesão Grupal

Há margem deste acontecimento teve lugar mais um Campo de Reciclagem e Coesão Grupal de grupos PASEC, desta vez o grupo Evasão que congrega elementos dos concelhos de Famalicão e Guimarães. Este encontro serviu para reforçar laços, lançar os planos de trabalho do grupo para este ano e fazer uma retrospetiva do ano transato. O encontro decorreu entre 18 e 20 Janeiro na Escola Integral de Animação sociocultural da PASEC.

domingo, 13 de janeiro de 2013

PASEC continua a sua ação em Itália


No âmbito do plano de ação da PASEC e do projeto N’EU Frontiers, apoiado pelo Programa Juventude em Ação da União Europeia, teve lugar em Itália entre os dias 11 e 13 de Janeiro 2013 a continuação do trabalho da Assembleia Europeia Juvenil 2012. Em parceria com a Cooperativa Social TOTEM e as Associação Giovanni 3D e Movida, a PASEC enviou uma delegação que deu conta do trabalho levado a cabo em Portugal nos últimos doze meses que culminou com a Assembleia Europeia Juvenil 2012 sobre o tema “Algures há um mapa para salvar o mundo”.

Foram 3 dias de intenso trabalho que juntou jovens de Portugal, Polónia e Itália em Workshop’s temáticos, debates com os decisores políticos, visitas a sítios emblemáticas da região de Varese, encontros com as associações juvenis locais e momentos de interação com a comunidade. O tema de fundo foi a “A participação dos jovens na construção da Democracia” sendo que também foram discutidas a importância do papel das associações juvenis e grupos informais de jovens na construção do processo de Democracia Participativa.

Estes três dias de trabalho também serviram de preparação do ENEJA 2013, Encontro Europeu de Jovens Animadores, que depois da Madeira em 2012, terá lugar em Milão Itália. Este foi mais um momento do trabalho que a PASEC tem vindo a desenvolver em Itália há quatro anos. Através dos Projetos Nova Fórmula a PASEC tem hoje em Itália mais de 30 sócios e ajudou a criar quatro novos grupos informais de jovens, sendo que 3 deles se tornaram em associações juvenis que atingem mais de uma centena de jovens na região da Lombardia.