quinta-feira, 18 de junho de 2015

Prémios ADN 2015 distinguem Companhia de Teatro Andaime e o jovem Pedro Inocêncio




Teve lugar mais uma final do Concurso ADN 2015 – Mostra do que és feito no passado dia 17 de Junho, pelas16h30 no Bar Concerto da Casa das Artes de Famalicão, numa cerimónia presidida pelo Sr. Presidente do Município de Famalicão Dr. Paulo Cunha, numa sala repleta perante mais de 150 pessoas.

Este ano foram apresentados a concurso mais de três dezenas de projetos protagonistas que envolveram milhares de crianças e jovens e apresentadas as candidaturas de quase uma centena de jovens protagonistas que se destacaram pelo seu exemplo enquanto cidadãos e dinamizadores da sua comunidade.

Na categoria de projeto protagonista do 3º Ciclo/Secundário foram à final os projetos “Creative Division” da Escola Profissional Forave, o projeto “Mixing Art” da Escola Profissional CIOR e a Companhia de Teatro Andaime do Agrupamento de Escolas Camilo Castelo Branco. Nesta categoria saiu vencedora a Companhia de Teatro Andaime. Na categoria de projeto protagonista do 1º Ciclo do Ensino Básico saiu vencedor o projeto “Interrogar a Ciência”, também do Agrupamento de Escolas Camilo Castelo Branco. Nesta categoria foram ainda finalistas o projeto do Agrupamento de Escolas Dona Maria II “Lagarinhos a Reciclar”, e o projeto do Agrupamento de Escolas de Ribeirão “Receitas Saudáveis”.

Na categoria de jovem protagonista 2015 foram finalistas: pelo Agrupamento de Escolas Camilo Castelo Branco, a aluna Manuela Brito de Oliveira, pela Cooperativa Ensino Didáxis de São Cosme, o aluno, Ivo Dias e pelo Agrupamento de Escolas de Gondifelos, o aluno Pedro Inocêncio. Acabou por ser o aluno Pedro Inocêncio a recolher a preferência do Júri.

O concurso, já na sua 3ª edição, pretende divulgar e promover projetos de caráter social e cultural das comunidades ou grupos escolares (ex.: núcleo, clube, associação de estudantes) que se distinguiram pelo seu impacto junto da comunidade e que no seu processo envolveram os jovens como protagonistas diretos no processo de conceção, implementação e avaliação do mesmo projeto. Este ano o concurso atinge uma dimensão internacional, envolvendo a Turquia, a Itália e Cabo Verde. O concurso é a face mais visível do Programa ADN, promovido pelo Município de Famalicão, a PASEC, o IPDJ e o Programa Erasmus + da União Europeia.

PASEC promove Campos de Férias “Tempo de Aventura 2015”



No seguimento do plano de ação da Casa das Ideias previsto para 2015, a PASEC vai promover os Campos de Férias “Tempos de Aventura 2015”, no sentido de dar resposta a todos os pais e encarregados de educação que não encontravam solução para os seus filhos e educandos durante o período de Verão e de Férias Escolares.

Os Campo de Férias “Tempos de Aventura” são completamente diferentes de todos os outros, não só pelo seu alcance social, como pela multiplicidade de desafios que oferecem aos jovens envolvidos durante um mês inteiro de atividades. Tendo lugar de 15 junho a 15 julho, os “Tempos de Aventura” têm quatro temas centrais: “Escolher Ser”; “Escolher Estar”; “A Participação”; e a “A Globalização”. A cada um dos temas corresponderá a organização de um evento aberto à comunidade, que passará por um Festival de Curtas-metragens, uma exposição de Artes Plásticas, uma peça de teatro e a organização de um acantonamento. Pelo meio, os participantes poderão usufruir de eventos de Geocashing (procura de tesouros simbólicos através de GPS), muitas visitas culturais, workshops de Meditação, Laboratórios de Jogos, a Oficina “Caçadores de Bons Exemplos”, Desportos Radicais, Piscina e Oficinas de Educação Intergeracional e Intercultural. 

Os Campos funcionarão em grupos de 20 crianças e adolescentes e têm o apoio do Clube UNESCO de Famalicão, do Município de Vila Nova de Famalicão, de várias empresas parceiras e Agrupamentos de Escolas. As inscrições são feitas Casa das Ideias ou através dos contactos habituais. Para além de proporcionar uma oportunidade única de férias e educação não formal a um conjunto de crianças e adolescentes que de outra forma não conseguiriam, os “Tempos de Aventura” assentam a sua metodologia numa pedagogia participativa, num programa orientado para a participação direta e envolvida das crianças e jovens participantes, sendo elas e eles as gestoras dos principais processos de decisão e avaliação do plano de ação. Em todas as suas iniciativas e ações os “Tempos de Aventura chegarão a mais de 120 crianças e jovens, sendo que os Jogos da Diferença 2015 serão o seu ponto alto, no próximo dia 20 de Junho.